April 06, 2006

SONHAR


Alguma coisa onde tu parada
fosses depois das lágrimas uma ilha
e eu chegasse para dizer-te adeus
de repente na curva de uma estrada

alguma coisa onde a tua mão
escrevesse cartas para chover
e eu partisse a fumar
e o fumo fosse para se ler

alguma coisa onde tu ao norte
beijasses nos olhos os navios
e eu rasgasse o teu retrato
para vê-lo passar na direcção dos rios

alguma coisa onde tu corresses
numa rua com portas para o mar
e eu morresse
para ouvir-te sonhar

António José Forte

39 Comments:

Blogger Jornal Vivo said...

Sonhar é acordar para dentro. Assim
escreveu o poeta Mário Quintana.

10:03 AM  
Blogger mulheresbonitas said...

O sonho e a imaginação são os primeiros passos para qualquer empreendimento. Sem eles a mesmice impera, a mediocridade vence e o progresso humano trava. Sonhar não custa nada, mas rende muito.

11:36 AM  
Anonymous GR said...

" Quando o Homem sonha,
O Mundo pula e avança,
Como bola colorida,
Nas mãos de uma criança”
A. Gedeão


Sonhar pode ser também, ter vontade de viver o amanhã!
Que ninguém nos tire a vontade de sonhar!

GR

3:32 PM  
Anonymous PAULA GUEDES said...

Este poema, encantou-me, não conhecia o autor.
Excelente blog, dos melhores por onde naveguei,+++++++++++++++++++++++++++++++++...

12:52 AM  
Blogger Jornal Vivo said...

Até um dia destes. E não, isto não é uma despedida. Eu nunca me despeço.

OBRIGADO.

10:39 AM  
Blogger Jornal Vivo said...

Já está chegando a hora de ir...
Vim aqui me despedir e dizer

Em qualquer lugar por onde eu andar
Vou lembrar de voce

Só me resta agora dizer adeus
e depois o meu caminho seguir

Em qualquer lugar por onde eu andar
não ligue se acaso eu chorar

Mas agora ADEUS

3:24 PM  
Anonymous Anonymous said...

Que triste isso :-(

3:29 PM  
Anonymous GR said...

Talvez um ATÉ LOGO!

Talvez um dia volte!

Felicidades!

GR

2:22 AM  
Blogger parlaemente said...

Com alguma tristeza lhe deixo um poema de Eugénio de Andrade, espero que um dia volte, e obrigado por este excente blog.

"Já gastámos as palavras pela rua, meu amor,
e o que nos ficou não chega
para afastar o frio de quatro paredes.
Gastámos tudo menos o silêncio.
Gastámos os olhos com o sal das lágrimas,
gastámos as mãos à força de as apertarmos,
gastámos o relógio e as pedras das esquinas
em esperas inúteis.

Meto as mãos nas algibeiras e não encontro nada.
Antigamente tínhamos tanto para dar um ao outro;
era como se todas as coisas fossem minhas:
quanto mais te dava mais tinha para te dar.
Às vezes tu dizias: os teus olhos são peixes verdes.
E eu acreditava.
Acreditava,
porque ao teu lado
todas as coisas eram possíveis.

Mas isso era no tempo dos segredos,
era no tempo em que o teu corpo era um aquário,
era no tempo em que os meus olhos
eram realmente peixes verdes.
Hoje são apenas os meus olhos.
É pouco mas é verdade,
uns olhos como todos os outros.

Já gastámos as palavras.
Quando agora digo: meu amor,
já não se passa absolutamente nada.
E no entanto, antes das palavras gastas,
tenho a certeza
de que todas as coisas estremeciam
só de murmurar o teu nome
no silêncio do meu coração.

Não temos já nada para dar.
Dentro de ti
não há nada que me peça água.
O passado é inútil como um trapo.
E já te disse: as palavras estão gastas.

Adeus."


Eugénio de Andrade

3:01 AM  
Anonymous Cristina said...

Eu também quero aqui deixar um poema, em forma de reconhecimento pelo excelente blog, na expectativa de que mude ideias.


VOZ QUE SE CALA

Amo as pedras, os astros e o luar
Que beija as ervas do atalho escuro,
Amo as águas de anil e o doce olhar
Dos animais, divinamente puro.

Amo a hera que entende a voz do muro
E dos sapos, o brando tilintar
De cristais que se afagam devagar,
E da minha charneca o rosto duro.


Amo todos os sonhos que se calam
De corações que sentem e não falam,
Tudo o que é Infinito e pequenino!


Asa que nos protege a todos nós!
Soluço imenso, eterno, que é a voz
Do nosso grande e mísero Destino!...

Florbela Espanca

3:41 PM  
Anonymous CRISTINA said...

Eu também quero aqui deixar um poema, em forma de reconhecimento pelo excelente blog, na expectativa de que mude ideias.


VOZ QUE SE CALA

Amo as pedras, os astros e o luar
Que beija as ervas do atalho escuro,
Amo as águas de anil e o doce olhar
Dos animais, divinamente puro.

Amo a hera que entende a voz do muro
E dos sapos, o brando tilintar
De cristais que se afagam devagar,
E da minha charneca o rosto duro.

Amo todos os sonhos que se calam
De corações que sentem e não falam,
Tudo o que é Infinito e pequenino!

Asa que nos protege a todos nós!
Soluço imenso, eterno, que é a voz
Do nosso grande e mísero Destino!...

Florbela Espanca

4:08 PM  
Anonymous A.CRISTINA said...

Não,não, porquê????????????

4:18 AM  
Anonymous Anonymous said...

Uma santa e feliz pascoa.

2:36 AM  
Anonymous GR said...

SERÃO PALAVRAS

Diremos prado bosque
primavera,
e tudo o que dissermos
é só para dizermos
que fomos jovens

Diremos mãe amor
um barco,
e só diremos
que nada há
para levar ao coração

Diremos terra mar
ou madressilva,
mas sem música no sangue
serão palavras só,
e só palavras, o que diremos.

"EUGÉNIO DE ANDRADE"

Páscoa Feliz!

GR

4:22 PM  
Blogger Jornal Vivo said...

"por tanta coisa que amamos em comum..."

Como diria Eugénio, encontrar uma, duas, três palavras, que digam tudo ao dizerem o essencial, e em que o essencial consiste em dizerem-se a si mesmas.

Uma Páscoa Feliz para si também!

12:12 AM  
Anonymous Jorge costa said...

Seu blog é extraordinário, saúdo o seu extraordinário trabalho!!!

5:36 AM  
Anonymous aron said...

La poesía es un sabroso vino
de la imaginación,
que, moderado,
alegra el espíritu,
regala el entendimiento,
deleita la fantasía

2:42 PM  
Anonymous Anonymous said...

Excelente BLOG!! Parabéns ao autor do blog, pela qualidade mostrada.

11:12 AM  
Anonymous GR said...

Viva o Dia Mundial do Livro

«Quanto mais silêncio houver num livro, melhor ele é. Porque nos permite escrever o livro melhor, como leitor».
António Lobo Antunes

GR

1:19 PM  
Blogger Jornal Vivo said...

Quando se sabe gerir as pausas, o silêncio, pode ser bastante produtivo. Sim, talvez toda a arte devia tender para o silêncio...

1:41 PM  
Anonymous Anonymous said...

Que é a notícia?
Cão perdeu-se!
Porque não?
Cão achou-se!Ainda bem!
Ainda melhor,por sinal,se o cão perdido e o achado forem um só e o mesmo lidos no mesmo jornal!
Que é a notícia

Alexandre O`neill

Gostei imenso do Jornal Vivo.

2:28 AM  
Anonymous GR said...

25 DE ABRIL

Esta é a madrugada que eu esperava
O dia inicial inteiro e limpo
Onde emergimos da noite e do silêncio
E livres habitamos a substância do tempo.

Sophia de Mello Breyner Andresen

Viva O 25 de Abril!
Solidariedade para com todos os Povos!

GR

7:54 PM  
Anonymous Anonymous said...

Passaram depressa estes 32 anos, por nós. E nem sempre bem. Se por um lado conquistámos a liberdade (embora demonstremos quotidianamente não a saber usar da melhor forma...), se muitas infra-estruturas que não existiam antes de 1974 foram construídas (saneamento, distribuição eléctrica, habitação social, etc.), por outro, falta ainda cumprir muito do sonho de Abril. Foram 31, os anos de ataques sistemáticos ao sector empresarial do Estado (pelos governos de direita que têm desgovernado o país – PPM, CDS, PPD/PSD e PS – em variados “arranjos” parlamentares). Recorde-se que ao longo deste período, esses partidos da direita parlamentar atacaram e retiraram direitos aos trabalhadores e aos cidadãos, os quais haviam sido consagrados na Constituição da República Portuguesa de 1975. Saiba-se que, actualmente, o fosso que separa ricos e pobres aumentou substancialmente. Saiba-se que há neste momento quase meio milhão de desempregados no nosso país. Que não sejam ainda esquecidas as “orientações” dos ignóbeis burocratas de Bruxelas, as quais diminuíram substancialmente a nossa soberania nacional. E por aí fora, que a lista é extensa e hoje é dia de celebrarmos o sonho, cantando a plenos pulmões “Grândola, Vila Morena, Terra da Fraternidade. O Povo é quem mais Ordena, dentro de ti, ó cidade”.
Viveremos, algum dia, uma outra Revolução? Se assim for, que não deixemos os cravos obstruir os canos das nossas armas!

10:05 PM  
Anonymous Anonymous said...

Abril de Abril

Era um Abril de amigo Abril de trigo
Abril de trevo e trégua e vinho e húmus
Abril de novos ritmos novos rumos.

Era um Abril comigo Abril contigo
ainda só ardor e sem ardil
Abril sem adjectivo Abril de Abril.

Era um Abril na praça Abril de massas
era um Abril na rua Abril a rodos
Abril de sol que nasce para todos.

Abril de vinho e sonho em nossas taças
era um Abril de clava Abril em acto
em mil novecentos e setenta e quatro.

Era um Abril viril Abril tão bravo
Abril de boca a abrir-se Abril palavra
esse Abril em que Abril se libertava.

Era um Abril de clava Abril de cravo
Abril de mão na mão e sem fantasmas
esse Abril em que Abril floriu nas armas.


Manuel Alegre

2:14 AM  
Blogger LAGOS said...

"Enquanto lia estas informações, o jipe trava de repente e dou comigo parado no sinal vermelho do cruzamento da Cidade Universitária. Olho para o lado e vejo um autocarro da Carris também parado. Achei que era de mais parar a Revolução ao sinal vermelho, quando o que distinguia os carros do MFA era um triângulo vermelho no lado esquerdo das viaturas ou tapando a matrícula. Mando avançar tocando as sirenes das autometralhadoras EBR até chegar ao Terreiro do Paço."

Salgueiro Maia

2:41 AM  
Anonymous GR said...

Entro na net, só com o som das letras, e o sonido das imagens!
Só, deambulo por entre o blog. Tropeço nos textos, descanso nas fotos.
Leio! No silêncio das palavras!
Hoje, liguei o som!
Ouvi a Grândola! Senti alegria, uma forte emoção!
Afinal não estou só!
A Liberdade está comigo, eu estou convosco!
Estamos todos juntos. Somos muitos!
São momentos assim que nos trazem felicidade!

Parabéns, Jornal Vivo

GR

7:35 AM  
Blogger Jornal Vivo said...

Pessoa aborrecida é aquela que nos priva da nossa solidão sem nos fazer companhia.

Adorei ler seu comentário
Muito obrigado

8:58 AM  
Anonymous GR said...

ESTA CASA

Gosto dela assim:
ainda vibrante dos passos
que a deixaram a sós comigo
desobrigada
de abrigar seus moradores
Comigo é diferente:
não me limito a usá-la
a habitá-la: namoro com ela
Comigo
abandona-se a seus mais íntimos rumores
e cheiros
e aliviada do dever de ser útil
em silêncio
canta

"Teresa Rita Lopes"

GR

5:13 PM  
Anonymous Anonymous said...

NSU - 4efer, 5210 - rulez

9:55 PM  
Anonymous Anonymous said...

I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! Software engineer cover Distance learning hotel management courses Baccarat giverny vase large Homes for sales + berwyn Make rings around you idiom Tennis racquet bag Wheat grass nasal cancer 7100i accessory blackberry dedicated window 2003 server site reseller hosting dedicated

7:32 AM  
Anonymous Anonymous said...

Excellent, love it! video editing schools

1:45 PM  
Blogger  said...

Antes de mais parabéns pelo blog!
Continue com o bom trabalho!
Convido-o agora a visitar:

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

Futebol e política num só!
Actualizações diárias!
Já agora se quiser adicionar à sua barra de links laterais esteja à vontade para o fazer!
Obrigado!

7:38 PM  
Anonymous Anonymous said...

women does viagra work free viagra without prescription buy cheap viagra online free viagra samples before buying viagra or cealis Buy Viagra Online No Prescription instructions for viagra use viagra results viagra professional effect of viagra on women viagra online uk viagra rrp australia viagra reviews viagra and cocaine

6:36 PM  
Anonymous Anonymous said...

Good brief and this enter helped me alot in my college assignement. Gratefulness you for your information.

7:20 AM  
Blogger sports fan said...

Hi, nice site. Oh also there is a broken link on your site. Please email me back and I would be happy to point it out to you.

Thanks!

Frank
frank641w@gmail.com

3:50 PM  
Anonymous Anonymous said...

http://site.ru - [url=http://site.ru]site[/url] site
site

5:08 AM  
Anonymous Anonymous said...

http://site.ru - [url=http://site.ru]site[/url] site
site

5:19 PM  
Anonymous Anonymous said...

Thanks tο my fаthеr who told me
about this blog, this websitе is reallу amazing.



Fеel free to vіsit my wеbpagе; vot.pl

8:50 AM  
Anonymous Anonymous said...

The best way to Buy Projectors Affordable

Here is my homepage; Epson Powerlite Home Cinema 8350

10:16 AM  

Post a Comment

<< Home

Powered by Blogger


More Free Music at MP3-Codes.com